CPI DOS COMBUSTÍVEIS
Dirigente da Sulpetro é o primeiro a depor nesta terça
Marcela Santos | Agência de Notícias - 16:44 - 07/02/2006
Henrique da Fonseca fez um breve relato sobre o setor
Henrique da Fonseca fez um breve relato sobre o setor

O diretor da Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis do Rio Grande do Sul (Sulpetro), Henrique da Fonseca, foi o primeiro depoente da audiência pública da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Combustíveis da tarde desta terça-feira (6), em Pelotas.

O diretor apresentou um vídeo relatando um breve histórico dos postos de combustíveis no Estado, e apontou prazos de venda, custo financeiro dos revendedores e dados gerais sobre as empresas do setor no Estado. De acordo com Fonseca, a diferença de preços existente entre os municípios gaúchos se dá devido aos variados investimentos e estruturas das empresas. “São estabelecimentos diferentes que apresentam estruturas distintas, sem considerar as variações de mercado”, argumentou. Fonseca considera o ramo do combustível rentável. “Sabendo trabalhar pode-se manter bem no mercado”, afirma.

Outros 15 depoentes serão ouvidos nesta tarde, sendo 12 deles convidados a prestar esclarecimentos e outros quatro foram convocados. O representante do setor de vendas da Distribuidora Esso de Porto Alegre Luciano Fittermann é o próximo a ser ouvido pelos deputados. 

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30