ORDEM DO DIA
Trinta matérias estão aptas a serem votadas em plenário
Marinella Peruzzo - MTB 8764 | Agência de Notícias - 16:06 - 29/11/2010 - Edição: Sheyla Scardoelli - MTB 6727
Plenário poderá apreciar propostas relacionadas a emancipações e áreas de pesca
Plenário poderá apreciar propostas relacionadas a emancipações e áreas de pesca
Vinte e sete projetos de lei (PLs) e três projetos de lei complementar (PLCs) estão em condições de serem apreciados nas sessões plenárias desta semana. A pauta de votações será definida nesta terça-feira (30), no final da manhã, durante reunião do Colégio de Líderes, no gabinete da Presidência. Entre as matérias aptas, 16 são de autoria de deputados, 12 provêm do Executivo, uma da Comissão de Agricultura e uma do Tribunal de Contas do Estado.
 
As propostas do Executivo incluem mudanças nas leis complementares relativas ao IPE-Saúde e ao Fundo de Assistência à Saúde (FAS/RS), a adoção de medidas de defesa sanitária vegetal no Estado, alterações na organização do Sistema Estadual de Proteção Ambiental, prorrogação de contratos emergenciais para o Instituto-Geral de Perícias e mudanças no anexo à lei que dispõe sobre contratações emergenciais na Companhia Estadual de Silos e Armazéns (Cesa).
 
O governo também propõe a instituição da Política Gaúcha sobre Mudanças Climáticas e a efetuação de aumento do capital social da Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica.
 
Entre os projetos apresentados por parlamentares, está o PL 113/2010, originário de uma proposta do então deputado Sandro Boka (PMDB) que foi retomada pelo colega de bancada Luiz Fernando Záchia. A matéria exige dos municípios banhados por rios ou lagoas a demarcação de uma área mínima de 400 metros de extensão, em seus balneários, destinada ao lazer e à recreação e livre das redes de pesca. Nas praias banhadas por mar, a exigência é de 2.100 metros de área livre. A medida pretende conter as mortes, especialmente de surfistas, relacionadas à utilização de redes de pesca.
 
O deputado Carlos Gomes (PRB) apresentou uma emenda ao projeto buscando reduzir a área livre nos rios e lagoas para 200 metros, no lugar dos 400 metros previstos no PL.
 
Já o PLC 263/2010, do deputado Cassiá Carpes (PTB) e outros seis parlamentares, reformula o projeto aprovado por unanimidade na Casa e promulgado no dia 5 de novembro que dispõe sobre a criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de municípios (PLC 120/2010). Conforme os proponentes, a matéria corrige questões técnicas. A proposta inclui a revogação das normas anteriores que tratam do mesmo assunto.
 
Ainda entre as proposições de deputados, há matérias relacionadas aos pedágios, à execução dos hinos nacional e rio-grandense, à falsificação de produtos, à denominação de rodovias e à celebração de eventos culturais.
 
Confira a relação completa dos textos que poderão ser apreciados nesta semana (clique no número para ler a íntegra):
  • PL 113 2010, do deputado Luiz Fernando Záchia, altera a Lei nº 8.676, de 14 de julho de 1988, que determina a obrigatoriedade de demarcação das áreas de pesca, lazer ou recreação, nos municípios com orla marítima, lacustre ou fluvial. Recebeu uma emenda.
  • PLC 389 2009, do Poder Executivo, introduz modificações na Lei Complementar nº 12.134, de 26 de julho de 2004, que dispõe sobre o IPE-SAÚDE e dá outras providências, e na Lei Complementar 12.066, de 29 de março de 2004, que dispõe sobre o Fundo de Assistência à Saúde - FAS/RS.
  • PL 127 2007, do deputado Francisco Appio, dispõe sobre a isenção de pagamento de pedágio em rodovias do Estado, ou sob jurisdição estadual, para veículos oficiais, para veículos de transporte escolar e para os veículos emplacados nos municípios onde estão instalados os respectivos postos de cobrança, e dá outras providências. Recebeu uma emenda.
  • PL 383 2007, do deputado Paulo Azeredo, determina a execução do Hino Nacional Brasileiro e/ou o Hino Rio-Grandense, em todos os eventos esportivos oficiais, a se realizarem no Estado do Rio Grande do Sul. Recebeu uma emenda.
  • PL 143 2008, do Poder Executivo, dispõe sobre a adoção de medidas de defesa sanitária vegetal no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul e dá outras providências. Recebeu 11 emendas.
  • PL 94 2010, do deputado Jerônimo Goergen, estabelece normas para a cassação da inscrição junto ao cadastro de contribuintes do ICMS, dos estabelecimentos que comercializarem produtos falsificados, adulterados, contrabandeados ou de origem duvidosa, dentro do Estado do Rio Grande do Sul. Recebeu uma emenda.
  • PL 229 2008, do deputado Alberto Oliveira, altera a Lei n° 10.330, de 27 de dezembro de 1994, que dispõe sobre a organização do Sistema Estadual de Proteção Ambiental, a elaboração, a implementação e controle da política ambiental do Estado e dá outras providências.
  • PLC 267 2009, do deputado Adilson Troca, altera dispositivo da Lei Complementar nº 12.134, de 26 de julho de 2004, estendendo o direito de opção pelo IPE-SAÚDE aos ex-servidores e respectivos pensionistas que se afastaram nos termos da Lei Complementar nº 10.727/96, aos portuários, ferroviários e ex-servidores que permaneceram no serviço público no mínimo por dez anos.
  • PLC 263 2010, do deputado Cassiá Carpes e outros seis parlamentares, dispõe sobre a criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de municípios, nos termos do art. 18, § 4.º, da Constituição Federal e do art. 9.º da Constituição Estadual, e dá outras providências.
  • PL 232 2005, da Comissão de Agricultura e Pecuária, dispõe sobre o Plano Safra Anual no âmbito da Política Agrícola do Rio Grande do Sul, e dá outras providências.
  • PL 215 2006, do deputado Adilson Troca, assegura o direito a livre circulação aos moradores dos municípios em cujo perímetro urbano situam-se praças ou postos de pedágio, sem vias alternativas adequadas. Recebeu duas emendas.
  • PL 375 2007, do deputado Luciano Azevedo, introduz modificação na Lei nº 8.115, de 30 de dezembro de 1985, e alterações, que instituiu o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Recebeu uma emenda.
  • PL 448 2007, do deputado Cassiá Carpes, dispõe sobre o atendimento médico emergencial e remoção em eventos com aglomeração humana. Recebeu uma emenda.
  • PL 299 2008, do deputado Zilá Breitenbach, inclui no Calendário Oficial do Estado a Romaria de São Pedro do Butiá e declara o Parque Temático do mesmo Município referência cultural da imigração alemã no Sul do Brasil.
  • PL 33 2010, do Poder Executivo, introduz modificação na Lei Estadual nº 10.330, de 27 de dezembro de 1994, que dispõe sobre a organização do Sistema Estadual de Proteção Ambiental, a elaboração, implementação e controle da política ambiental do Estado e dá outras providências.
  • PL 81 2010, do Poder Executivo, institui a Política Gaúcha sobre Mudanças Climáticas - PGMC, fixando seus objetivos, princípios, diretrizes e instrumentos e dá outras providencias. Recebeu duas emendas.
  • PL 82 2010, do Poder Executivo, autoriza o Poder Executivo a destinar recursos financeiros às rodovias estaduais que integram contratos de concessão rodoviária. Recebeu quatro emendas.
  • PL 128 2010, do deputado Luiz Fernando Záchia, denomina Rodovia João Francisco da Cunha Franco, a rodovia ERS-357, em toda a sua extensão.
  • PL 155 2010, do deputado Francisco Appio, denomina “Rodovia ARMANDO WALDEMAR DE ZORZI” a RS 020, trecho da interseção com a RS 453 Rota do Sol-Rodovia Euclides Triches (Tainhas), à interseção com a BR 285 (São José do Ausentes).
  • PL 162 2010, do Tribunal de Contas, recompõe os vencimentos dos servidores do Tribunal de Contas do Estado.
  • PL 166 2010, do Poder Executivo, autoriza o Poder Executivo a doar imóvel ao município de Carazinho.
  • PL 177 2010, do deputado Adroaldo Loureiro, institui a Semana Missioneira no calendário de eventos culturais do Estado do Rio Grande do Sul.
  • PL 222 2010, do deputado Francisco Appio, institui, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul, o Dia Estadual do Tropeirismo.
  • PL 223 2010, do deputado Gilberto Capoani, denomina de ”Travessia Hilberto Boeck” a ponte sobre o rio Jacui, que liga os municípios de Agudo e Restinga Seca, na RSC-287.
  • PL 249 2010, do Poder Executivo, autoriza o Poder Executivo a efetuar aumento do capital social da Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica – CEEE-GT -, por intermédio da Companhia Estadual de Energia Elétrica Participações – CEEE-Par - mediante a transferência dos bens de propriedade do Estado do Rio Grande Sul que compõem a Subestação do Complexo Industrial Automotivo de Gravataí – CIAG -, a Linha de Transmissão de 230 kV Gravataí 2 x Gravataí 3 e a Linha de Transmissão de 230 kV Gravataí 3 x Complexo Industrial Automotivo de Gravataí.
  • PL 252 2010, do Poder Executivo, altera o Anexo Único da Lei nº 13.261, de 20 de outubro de 2009, que dispõe sobre a contratação de pessoal, em caráter emergencial, por tempo determinado, para a Companhia Estadual de Silos e Armazéns - CESA, e dá outras providências.
  • PL 256 2010, do Poder Executivo, altera o disposto no artigo 2º, da Lei nº 13.428, de 05 de abril de 2010. Permite a manutenção de servidores qualificados, mas não-efetivos, no exercício das atividades de Pregoeiro e de Presidente de Comissão Permanente de Licitação, na Secretaria da Administração e dos Recursos Humanos.
  • PL 260 2010, do Poder Executivo, introduz alterações na Lei n° 13.122, de 09 de janeiro de 2009, que instituiu o Programa RS Socioeducativo e dá outras providências, incluindo entre os seus beneficiados crianças, adolescentes e jovens adultos atendidos pelos programas de acolhimento da Fundação de Proteção Especial.
  • PL 270 2010, do Poder Executivo, autoriza o Poder Executivo a prorrogar parte dos contratos firmados com base na Lei nº 11.638, de 6 de junho de 2001, Lei nº 12.879, de 27 de dezembro de 2007, e na Lei nº 13.340, de 04 de janeiro de 2010, que dispõe sobre a contratação emergencial de servidores para o Instituto-Geral de Perícias, para o atendimento de necessidade temporária de excepcional interesse público e dá outras providências.
  • PL 272 2010, do Poder Executivo, altera a redação do artigo 4º da Lei nº 12.404, de dezembro de 2005. Reajusta a indenização mensal concedida aos titulares dos cargos isolados de provimento efetivo instituídos pela Lei Estadual nº 12.404/2005, destinada à manutenção dos instrumentos musicais e ao vestuário exigido para as apresentações da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre.
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30