BALANÇO 2013
Eleições municipais e retorno de titulares que estavam no Executivo modificaram a composição da AL
Letícia Rodrigues - MTE 9373 | Agência de Notícias - 08:30 - 20/01/2014 - Foto: Vinicius Reis
AL também passou a contar com a 12ª bancada em 2013
AL também passou a contar com a 12ª bancada em 2013
As eleições municipais de 2012 e o retorno de três deputados que ocupavam pastas no governo do Estado provocaram mudanças na composição da 53ª Legislatura durante o ano de 2013. Também houve a criação de mais uma bancada na Assembleia Legislativa, totalizando 12 bancadas na Casa.
 
Eleições municipais
A posse de seis deputados que se elegeram prefeitos nas eleições de 2012 provocou a convocação de cinco suplentes em janeiro de 2013. Décio Franzen (PDT) assumiu no lugar de Paulo Azeredo (PDT), prefeito de Montenegro; Elisabete Felice (PSDB), no lugar de Luciano Azevedo (PPS), prefeito de Passo Fundo; Marcos Daneluz (PT), no lugar de Alexandre Lindenmeyer (PT), prefeito de Rio Grande; Nelson Härter (PMDB); no lugar de Marco Alba (PMDB), prefeito de Gravataí; e Vinícius Ribeiro (PDT), no lugar de Alceu Barbosa (PDT), prefeito de Caxias do Sul. Em março, com a conclusão do processo eleitoral de Novo Hamburgo em que o deputado Luiz Fernando Schimidt (PT) elegeu-se prefeito, assumiu o suplente Zilmar Rocha (PT).

Dos seis suplentes que assumiram vagas em 2013, três são titulares: Elisabete Felice, Nelson Härter  e Vinícius Ribeiro. Os outros três – Décio Franzen,  Marcos Daneluz e Zilmar Rocha – passam a compor a suplência de suas respectivas bancadas. Franzen  assumiu na suplência da bancada do PDT, até então ocupada por Paulo Azeredo, por estar o deputado titular Ciro Simoni à frente da Secretaria Estadual de Saúde. Já Marcos Daneluz e Zilmar Rocha assumiram na suplência da bancada do PT, estarem em secretarias estaduais os deputados titulares Luiz Fernando Mainardi e Stela Farias. Com as alterações, os deputados Jeferson Fernandes e Aldacir Oliboni, que, até então, eram suplentes do PT, tornaram-se titulares da bancada petista. 
 
Outra mudança provocada pelas posses dos suplentes, foi a ampliação da bancada do PSDB, de cinco para seis parlamentares, com a chegada de Elisabete Felice. Já o PPS, que tinha dois deputados, ficou com apenas um representante na bancada, Paulo Odone. Isso ocorre porque os dois partidos, junto com outras siglas, disputaram as eleições de 2010 coligados. 
 
Além disso, ampliou-se o número de deputadas já em janeiro. Com a vinda de Elisabete Felice, ficaram sete as parlamentares, todas titulares: Ana Affonso e Marisa Formolo (PT), Maria Helena Sartori (PMDB), Juliana Brizola (PDT), Silvana Covatti (PP) e Zilá Breitenbach (PSDB). Com o retorno à Casa das deputadas petistas Miriam Marroni e Stela Farias, que eram secretárias de Estado, a Assembleia gaúcha terminou o ano de 2013 com nove deputadas.
 
Retorno de secretários 
Durante o ano de 2013, três deputados que ocupavam o cargo de secretários de Estado retornaram à Casa. Em janeiro, voltou a deputada Miriam Marroni (PT), que era secretária geral de Governo.
 
Em abril, a deputada Stela Farias (PT) também reassumiu seu mandato após exercer o cargo de secretária da Administração e dos Recursos Humanos desde o início da 53ª Legislatura, em 2011. Com o retorno de Stela, o suplente Zilmar Rocha deixou a Casa.

Em dezembro, Ciro Simoni (PDT), que também desde o início da 53ª Legislatura, em 2011, era o titular da Secretaria de Saúde, voltou à Casa após seu partido decidir pela candidatura própria nas próximas eleições estaduais. Com seu retorno, o suplente Décio Franzen deixou a AL.
 
12ª Bancada
Em outubro, o deputado Cassiá Carpes, que elegeu-se pelo PTB, deixou a sigla e filiou-se ao Solidariedade (SDD). Com isso, a bancada do PTB, que contava em seis parlamentares desde o início da Legislatura, perdeu uma cadeira e a Casa ganhou mais uma bancada, passando a contar com 12: PT, PMDB, PDT, PP, PSDB, PTB, PSB, PPS, PCdoB, DEM, PRB e SDD. 
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Sessão Plenária Extraordinária

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30