ARTIGO
Pequenas empresas, benefícios para todos
Tiago Simon* | MDB - 16:35 - 04/03/2015

O Brasil tem vivido nas últimas décadas uma ascensão consistente em diversas áreas. Tudo isso, em boa medida, porque as pessoas estão trabalhando mais, produzindo mais, consumindo mais. Estamos assistindo à roda da economia girar, gerando oportunidades para a população. As micro e pequenas empresas desempenham um papel de grande importância nesse cenário. De acordo com um estudo do Sebrae, elas respondem por 60% dos empregos e 20% do PIB, além de representarem 99% dos estabelecimentos formais do país. Tal nível de participação não se dá apenas por aqui. Esse tipo de iniciativa constitui a base econômica de todas as nações desenvolvidas do mundo.

Abrir um pequeno negócio é dar início a um círculo virtuoso. Num primeiro passo, o esforço gera renda para o empreendedor e sua família – libertando-os da dependência dos ascendentes ou mesmo das ajudas estatais. Mais tarde, o processo se amplia, contemplando empregados, fornecedores, parceiros e até mesmo o fisco, que passa a arrecadar mais impostos. No entanto, para que se chegue a esse patamar, é preciso nadar contra a corrente. Quem tenta manter sua própria empresa, enfrenta diariamente um conjunto de problemas: burocracia, carga tributária excessiva, ausência de financiamento, entre outros. São barreiras que atingem especialmente quem parte do zero – e justificam o alto grau de falência nos dois primeiros anos de atividade. Diante desse quadro, o Estado precisa fazer a sua parte. Isso passa, obrigatoriamente, por incentivar a cultura empreendedora e oferecer condições para que pequenos negócios surjam e sobrevivam.

Alternativas como o MEI (Microempreendedor Individual) e o Simples, estabelecidas há poucos anos, mostram que avanços são possíveis. Outra frente que deve ser intensificada é a das redes de cooperação – um ambiente de troca de experiências com grande potencial para gerar novos negócios. Não existe redenção social maior do que a possibilidade de uma família manter-se dignamente por suas próprias forças e capacidades. O povo gaúcho é criativo, batalhador e independente – características típicas do empreendedor. Portanto, nossas políticas públicas devem valorizar esse patrimônio, apoiando o progresso e o dinamismo trazido pelas pequenas empresas.

* Deputado Estadual (PMDB) e Presidente da Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresas

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul
Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000

Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30