SEGURANÇA
Nelsinho preside audiência pública em Camaquã
Marcio Stefani- MTE 17305 | PT - 15:14 - 16/04/2015 - Foto: Marcio Stefani
 Nelsinho destacou a importância da livre manifestação e da democracia
Nelsinho destacou a importância da livre manifestação e da democracia

Reunião discutiu ação da Força Nacional de Segurança (FNS) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante protesto dos caminhoneiros em março.

O deputado estadual Nelsinho (PT), presidente da Comissão de Segurança e Serviços Públicos (CSSP) presidiu audiência pública realizada em conjunto com a Comissão de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH), na quarta-feira, 15, na Sede Campestre do Sindicato dos Aposentados e Pensionistas de Camaquã. A reunião foi realizada com o objetivo de analisar a atuação da Força Nacional de Segurança (FNS) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no RS nos eventos ocorridos após os protestos dos caminhoneiros nas rodovias federais, conforme requerimento nº 05/2015, aprovado em 12 de março, de autoria do deputado Marcel van Hattem (PP).

Como encaminhamento, Nelsinho garantiu que a CSSP acompanhará a apuração dos fatos para averiguar as denúncias de abusos relatadas pelos caminhoneiros e representantes da comunidade. 

Durante a audiência, o deputado Nelsinho defendeu a luta dos trabalhadores pelos seus direitos. "Antes de ter sido deputado, quando líder sindical, defendendo a categoria, fui preso quando me manifestava pelos direitos dos meus companheiros. Não podemos abrir mão do direito à livre manifestação. Nós lutamos muito pelo fim da ditadura militar. Temos que lutar pelos direitos dos trabalhadores, e não esquecer do que está acontecendo em Brasília, com a possibilidade de retrocessos nos direitos com o PL 4330, da Terceirização”, afirmou o parlamentar.

O deputado estadual Zé Nunes (PT), também defendeu a legitimidade dos protestos e que a categoria deve ser respeitada. "É nítido que os caminhoneiros tiveram nas suas manifestações um resultado positivo. O Brasil inteiro vê a importância deste setor para o desenvolvimento do país. Temos que legislar contra a exploração e a intermediação do frete dos caminhoneiros”. Segundo ele, são necessárias mais ações, "o governo federal, perdoou mais de 800 milhões de reais em multas e abriu caminho para dialogar sobre as pautas da categoria”, frisou Zé Nunes.

Na opinião do deputado Pedro Pereira (PSDB), o ambiente durante as manifestações era pacífico sendo que a PRF e FNS agiram de forma desproporcional. “A atuação da polícia deve ser a de orientar”, defendeu o deputado. Já o deputado Marcel Van Hattem questionou a presença da Brigada Militar, já que o governo estadual solicitou intervenção da Força Nacional.

Representando a OAB estadual, Rodrigo Cabral, considerou inadequada a forma com que a PRF e FNS agiu durante as manifestações.  Já o superintendente Dias, da PRF, garantiu que a polícia sempre procurou atuar de forma respeitosa, se dispôs a conversar e afirmou que todos os desacordos apontados serão apurados. O deputado Jorge Pozzobon (PSDB), membro da CCDH, afirmou que a comissão irá se manifestar, pois ele considera que houve abuso por parte da Força Nacional.

Também estiveram presentes na audiência o capitão Marcelo Nunes Ferreira, representando a Secretaria de Segurança Pública do RS; o gerente de fiscalização da ANTT, João Paulo de Souza; o vice-prefeito de Camaquã, Paulo Mecca; além de vereadores e comunidade local.

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Deputados

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30