SUBCOMISSÃO DO USO ESTRATÉGICO DA ÁGUA
Subcomissão ouve entidades e secretarias de Estado sobre o uso racional da água
Luiz Osellame - MTE 9500 | Agência de Notícias - 13:06 - 09/07/2015 - Edição: Celso Bender - MTE 5771 - Foto: Guerreiro
Promotor Daniel Martini defendeu zoneamento econômico-ecológico da água
Promotor Daniel Martini defendeu zoneamento econômico-ecológico da água
A subcomissão do Uso Estratégico da Água, que tem como relator o deputado Sérgio Turra (PP), realizou reunião ordinária na manhã desta quinta-feira (10), para ouvir representantes do Ministério Público, secretarias de Estado e estudiosos.
 
Turra destacou que as contribuições dadas pelos participantes das diversas reuniões realizadas pela Subcomissão são fundamentais para a elaboração do relatório final dos trabalhos. Ele concordou com afirmação do professor Jacson Muller salientando que em relação ao uso racional da água já não é mais tempo de procrastinar as ações, pois poderá ser muito tarde para a preservação deste bem essencial à vida.
 
O promotor de justiça do Ministério Público Estadual, Daniel Martini, reconhece que já ocorreram avanços no Estado com relação ao uso consciente da água, mas que ainda há muito a ser feito. Ele alertou que todos os poderes e toda a sociedade devem se unir para fazerem cada um a sua parte e que a instituição não vê a agricultura e o setor primário como vilões no que se refere aos recursos hídricos. Ele lamenta, porém, que o Rio Grande do Sul possua três dos dez rios mais poluídos do país (Sinos, Gravataí e Caí) e cobrou a criação das Agências de Bacias para que realmente atue no gerenciamento dos recursos hídricos estaduais.
 
Martini defendeu, ainda, a realização de zoneamento econômico-ecológico da água, pois o Estado possui o segundo pior desequilíbrio entre oferta e consumo do produto no país, alertou.
 
O representante da Secretaria de Agricultura, Edemar Streck, apresentou a proposta que está sendo elaborada pela pasta, denominada  Programa Estadual de Gestão do Solo e da Água no Rio Grande do Sul. Ele destacou que o programa deverá estar estruturado até o final de 2015. Explicou, também, que o objetivo do programa é a melhoria da fertilidade dos solos, o incremento da rentabilidade agrícola e das cadeias produtivas que integram o agronegócio e a qualidade de vida das populações.
 
O professor Jacson Muller defendeu ações sinérgicas que envolvam todos na defesa da água no Estado. Para ele, o Rio Grande do Sul, que já foi pioneiro em legislação sobre recursos hídricos, agora está atrasado em relação a outros estados da federação e alertou para a "crise de inércia" vivida no Estado em relação ao tema dos recursos hídricos.
 
Ele sublinhou que a água é um bem ambiental público e acusou o Estado de não estar tratando adequadamente deste bem, que deveria tutelar. Segundo Muller, o Rio Grande possui uma legislação adequada para os recursos hídricos, mas falta vontade política para implementar medidas necessárias para a gestão do segmento.
 
Presenças
Também participaram da reunião de hoje o representante da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Ubirajara Simon, o senhor Arcídio Trojan e Beto Moesch.
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Subcomissão para tratar do Uso Estratégico da Água

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia
Rádio Assembleia
COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, PESCA E COOPERATIVISMO
COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, PESCA E COOPERATIVISMO
COMISSÃO MISTA PERMANENTE DE DEFESA DO CONSUMIDOR E DO CONTRIBUINTE E DE PARTICIPAÇÃO LEGISLATIVA POPULAR
» Veja mais

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30