ARTIGO
Venda do Banrisul é péssima para o RS
Pedro Ruas* | PSOL - 12:00 - 20/02/2017

As artimanhas do Governo Sartori com o objetivo de vender o Banrisul – e acabar com um patrimônio que é de todos os gaúchos – são as mesmas utilizadas quando ele encaminhou para a Assembleia Legislativa, no final do ano passado, os projetos para extinguir fundações, autarquias e empresas de pesquisa que construíram e estruturaram o Rio Grande do Sul, a ponto de termos servido de exemplo para outros estados da federação. Ao mesmo tempo em que não apresenta uma única proposta capaz de ajudar o nosso Estado a sair da crise que se encontra, a não ser extinguir o que existe, Sartori se recusa e chamar a sociedade para o debate em busca de ideias e promove ensaios sobre a venda do Banrisul. Ora é alguém do governo dizendo que tem dúvidas, mas que isso não vai acontecer, ora é outro falando que ainda é cedo, mas que o banco atrai os compradores... É uma irresponsabilidade. Por muito menos, grandes bancos quebraram.

Na entrevista do vice-governador, publicada neste jornal, no dia 13 de fevereiro, ele garante que “existem fundações e empresas que não têm mais sentido de o Estado ter”, num desprezo às entidades e profissionais que construíram o RS. E afirma quanto a possível venda do Banrisul, que “em algum momento isso vai ser feito”, numa prova incontestável de que, depois de retomar com propostas para forçar a entrega da CEEE, da CRM e da Sulgás, ainda neste ano, a próxima vítima será o Banrisul.

Vender o Banrisul representa acabar com a principal fonte que dá suporte financeiro à empreendimentos em geral, sejam micro, médias ou grandes empresas e, ainda, ao principal formador do Produto Interno Bruto (PIB) gaúcho, que é o setor agropastoril. Sua venda condenará o Estado a ficar ainda mais pobre e sem expectativas.

Falamos de um banco que completa 89 anos em setembro, criado que foi em 1928 a partir de demanda do setor rural. Hoje, este banco atua em todas as áreas importantes do mercado financeiro, conta com tecnologia avançada e tem também na pessoa física - o gaúcho comum – um cliente que deposita não apenas seus recursos, mas também a sua confiança no símbolo que é o Banrisul.

* Deputado Estadual

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul
Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000

Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30