COMISSÃO DE SAÚDE E MEIO AMBIENTE
Subcomissão vai debater novas regras legais para açougues e fiambrerias
Francis Maia - MTE 5130 | Agência de Notícias - 11:03 - 28/02/2018 - Edição: Celso Bender - MTE 5771 - Foto: Ronaldo Quadrado
A Comissão de Saúde e Meio Ambiente, presidida pelo deputado Altemir Tortelli (PT), instalou nesta quarta-feira (28), na sala João Neves da Fontoura, Plenarinho, a Subcomissão para Atualização da Legislação dos Açougues e Fiambrerias, uma iniciativa do deputado Tarcísio Zimmermann (PT).
 
O tema está em debate na Assembleia desde o ano passado, em função do decreto 53.304, de 24 de novembro de 2016, que define nova regulamentação para a produção artesanal de alimentos embutidos. Nova portaria da Secretaria Estadual da Saúde, de 21 de fevereiro, prorrogou até 30 de junho de 2019 os prazos estabelecidos para que os comerciantes de carnes e derivados se adaptem aos regramentos.
 
O presidente da Comissão, Altemir Tortelli (PT), relatou a audiência pública realizada em junho de 2017, que tratou do Decreto 53.304, de 24 de novembro de 2016, definindo as alterações que atingem em torno de 30 mil estabelecimentos comerciais no Estado. A mobilização dos parlamentares resultou em documento encaminhado ao governo do Estado e a consequente prorrogação do prazo até junho deste ano.
 
Também foi solicitada a formação de grupo de trabalho pelo governo para tratar do assunto em conjunto com as entidades e a Assembleia, destacou Tortelli. Agora, a portaria SES 99/2018 prorrogou até 30 de junho de 2019. Neste prazo, conforme o deputado, será possível estabelecer o debate e a adequação dos novos regramentos com todos os setores.
 
Plano de trabalho
O deputado Tarcisio Zimmermann (PT), coordenador da subcomissão, apresentou o plano de trabalho, que até junho deverá apresentar sugestões e até mesmo um anteprojeto de lei da Comissão de Saúde e Meio Ambiente. Em março, será realizada audiência pública com a vigilância sanitária, assim como com o Ministério Público, e entidades representativas dos 30 mil estabelecimentos que atuam nesse setor. “Ninguém é adversário das melhores práticas sanitárias, mas é preciso ouvir o setor e suas contribuições”, resumiu o deputado.
 
Também o deputado Edson Brum (PMDB) se manifestou, ponderando a respeito do perfil desse setor da economia gaúcha, que gera emprego e renda e agrega valor nas pequenas comunidades. Antecipou colaboração e observou que o tema poderá envolver também a legislação federal.
 
Com a presença de diversas assessorias de gabinetes parlamentares, foi ouvida Valéria Di Lorenzo, representando a Associação de Comerciantes do Mercado Publico; Juelcir José Savanim, presidente do Sindicato dos Comerciantes de Gêneros Alimentícios do Vale do Sinos; Joelci Ercílio, diretor executivo da Rede Forte, iniciando a exposição da apreensão e dificuldades do setor em se adaptar à normativa.
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Comissão de Saúde e Meio Ambiente

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia
Rádio Assembleia
FÓRUM SOCIAL MUNDIAL DA POPULAÇÃO IDOSA, PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E DIVERSIDADES
FÓRUM SOCIAL MUNDIAL DA POPULAÇÃO IDOSA, PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E DIVERSIDADES
» Veja mais

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul
Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000

Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30