ARTIGO
Por que não te calas, Lula?
Sérgio Turra* | PP - 16:42 - 23/03/2018

Condenado em segunda instância pela Justiça, e às voltas com uma prisão iminente, Lula ataca quem produz alimentos e prega a luta de classes. Não abandona o odiento discurso do “nós” contra “eles” – que dividiu a nação e arrastou o país para a mais grave crise econômica, política e moral de sua história.

Em sua infeliz passagem pelo Rio Grande do Sul, Lula bradou para uma claque amestrada que os produtores rurais têm dois prazeres: pegar dinheiro do governo e não pagar. Além de chamar os agricultores de caloteiros, o chefe do maior escândalo de corrupção do Ocidente mostrou que não aprendeu a separar o público do privado. Disse que “deu” dinheiro aos produtores – como se o dinheiro PÚBLICO que os bancos emprestam fosse dele ou do seu partido, e não estivesse garantido pelo patrimônio dos tomadores. Quem não paga a dívida, perde o trator, a colheitadeira ou a terra.

Mas, verdade seja dita, de calote Lula entende. O seu governo emprestou bilhões de dólares para Cuba, Venezuela e países da África – que nunca pagaram. Emprestou bilhões de reais do BNDES para empreiteiras e outras empresas – que jamais devolverão esses recursos.

Foi o agronegócio que salvou o Brasil da insolvência nos terríveis anos de governo Dilma. Em meio à maior recessão de todos os tempos, o campo foi o único setor que cresceu, gerou empregos e garantiu saldos positivos na balança comercial. Afinal, o Brasil é o maior exportador de soja e de carne de frango do mundo; grande exportador de carne bovina, de café, de frutas e de algodão. O campo contribui com 23% do PIB brasileiro, emprega 19 milhões de trabalhadores, e gera R$ 600 bilhões para a economia.

Os ingredientes das “quentinhas” que em breve alimentarão Lula em Curitiba virão de onde? Do campo, com certeza. Além de ingrato, Lula não tem moral para criticar os produtores rurais. O melhor que pode fazer é calar-se. 

*Deputado estadual (PP)

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul
Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000

Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30