CUIDADOS PALIATIVOS
Comissão Especial busca ampliar atendimento aos pacientes
Jurema Josefa (MTE 3.882/RS) | PSOL - 15:00 - 03/07/2018 - Foto: Marcelo Bertani
Reunião ocorreu no Espaço de Convergência da Assembleia Legislativa
Reunião ocorreu no Espaço de Convergência da Assembleia Legislativa

O ano de 2018 foi declarado como o Ano Global da Excelência na Educação em Dor pela Associação Internacional para o Estudo da Dor (IASP), entidade que congrega profissionais e equipes nas áreas de saúde e interdisciplinar cujo objetivo é atuar com cuidados paliativos, um aliado em favor do paciente crônico ou com doença terminal. A informação foi dada pelo deputado Pedro Ruas (Psol), que preside a Comissão Especial de Cuidados Paliativos, instalada oficialmente nesta terça-feira (3), em solenidade realizada no Espaço de Convergência deputado Adão Preto.

Nesta primeira reunião, o presidente versou sobre o tema, destacando que a Comissão se propõe a debater políticas públicas que indiquem e estimulem a criação e o melhoramento de locais que atuem especificamente no tratamento paliativo, como espaços próprios em clínicas e hospitais, além de apoiar iniciativas como a preparação de profissionais e ampliação de pontos de atendimento. Pedro Ruas enfatizou que no mundo, em instituições que contam com centros de cuidados paliativos, todos os sábados são dedicados a atividades de difusão sobre essa tarefa. Mas, além disso, o segundo sábado do mês de outubro, neste ano dia 13, é celebrado como o Dia Mundial dos Cuidados Paliativos. O Brasil, como integrante da IASP, através da Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor (SBED), dá respaldo à essas iniciativas.

O presidente apresentou o cronograma previsto para as atividades da Comissão Especial, mas ainda não foi possível votar por quórum. Para tanto, é imprescindível a presença de sete titulares, porém apenas seis tiveram condições de comparecer, devido outras agendas. Estiveram presentes os deputados Adilson Troca ((PSDB), Maurício Dziedricki (PTB), Vilmar Zanchin (MDB), João Reinelli (PSD) Stela Farias (PT). Também a deputado Regina Becker Fortunati (PTB), que é suplente, participou da sessão de instalação. A partir da instalação, a Comissão Especial tem 120 dias para cumprir seu cronograma.

Prestigiaram do lançamento da Comissão Especial o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul, através da vice-presidente médica Maria Rita de Assis Brasil; a médica Julieta Fripp, coordenadora do Centro de Cuidados Paliativos da Universidade Federal de Pelotas; o secretário de Saúde do município de Rio Grande, Maicon Lemos; o coordenador do centro de atendimento Estar ao Seu Lado, de Rio Grande; a vereadora Fernanda Melchiona (Psol, Porto Alegre) e a presidente do Psol de Cachoeirinha, advogada Ester Ramos, que integra o grupo Despertar, cujo foco é dar apoio à pacientes com câncer.

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Comissão Especial de Cuidados Paliativos

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul
Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000

Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30