COMISSÕES
Comissão Especial de Regularização do Bairro Granja Esperança lança cartilha sobre REURB
Karine Bertani - MTE 9427 | PRB - 16:14 - 20/11/2018 - Foto: Divulgação
Publicação de 94 páginas é distribuída gratuitamente pela Assembleia Legislativa
Publicação de 94 páginas é distribuída gratuitamente pela Assembleia Legislativa
A Comissão Especial de Regularização do Bairro Granja Esperança – Cachoeirinha, presidida pelo deputado Sergio Peres (PRB), publicou, na última segunda-feira (19), uma cartilha informativa sobre Regularização Fundiária Urbana (REURB). Distribuído gratuitamente, o manual de apoio foi lançado durante o seminário alusivo ao tema que reuniu, na Câmara de Vereadores de Cachoeirinha, representantes dos moradores, autoridades locais e servidores da região metropolitana de Porto Alegre.
 
A publicação da cartilha foi motivada pela reivindicação de 1.632 famílias do Bairro Granja Esperança, de Cachoeirinha, que pleiteiam a REURB como instrumento legal para regularizar a situação dos moradores da área, que começou a ser ocupada há 31 anos e hoje registra aproximadamente 15 mil residentes. “Pretendemos não só fornecer uma ferramenta de trabalho aos agentes públicos envolvidos na regularização fundiária urbana, mas também democratizar a informação referente ao assunto, fazendo chegar ao cidadão um dos caminhos legais para o acesso à moradia, que é direito social assegurado pela nossa Constituição Federal”, explica Sergio Peres. Exemplares do manual podem ser obtidos pelo fone 51 3210 2439.
 
Sobre a REURB
Com o objetivo de resolver problemas do ordenamento territorial brasileiro, foi promulgada em 2017 a Lei Federal nº 13.465, resultante da conversão legal da Medida Provisória 759/16, e, em março deste ano, o Decreto Federal nº 9.310, tratando do processo de regularização fundiária urbana e estabelecendo procedimentos e diretrizes a serem seguidos pelos Poderes Públicos e particulares. A aprovação dos dispositivos legais revogou por completo a Lei 11.977 de 2009, que até então cumpria tal papel.
 
Dentre as principais inovações, a Lei e o Decreto se destacam por terem criado o instrumento jurídico da Regularização Fundiária Urbana. O marco legal cria o termo “REURB” para conceituar a regularização fundiária urbana como o conjunto de medidas jurídicas, urbanísticas, ambientais e sociais destinadas à incorporação dos núcleos urbanos informais ao ordenamento territorial urbano e à titulação de seus ocupantes, estabelecendo-se novos objetivos em relação à legislação anterior.
 
Destacam-se, entre eles: criar unidades imobiliárias compatíveis com o ordenamento territorial urbano e constituir sobre elas direitos reais em favor dos seus ocupantes; concretizar o princípio constitucional da eficiência na ocupação e no uso do solo; prevenir e desestimular a formação de novos núcleos urbanos informais e franquear participação dos interessados nas etapas do processo de regularização fundiária.
 
Fonte: Ministério das Cidades
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Deputados

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul
Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000

Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30