BALANÇO 2018
Retorno de titulares e mudanças partidárias modificaram a composição da AL em 2018
Letícia Rodrigues - MTE 9373 | Agência de Notícias - 13:30 - 10/01/2019 - Foto: Marcelo Bertani
Westphalen e Polo retornaram, de forma definitiva, para a AL em março de 2018
Westphalen e Polo retornaram, de forma definitiva, para a AL em março de 2018
No último ano da 54ª Legislatura, o retorno de três titulares que eram secretários estaduais no governo do Estado modificou a composição da Casa. Além disso, cinco parlamentares trocaram de sigla, o que também mudou o tamanho de algumas bancadas.
 
Em 20 de março, os deputados Ernani Polo e Pedro Westphalen, ambos do PP, retomaram o exercício do mandato após terem sido os titulares, respectivamente, das secretarias da Agricultura da Agricultura, Pecuária e Irrigação e dos Transportes.  Com o retorno dos dois parlamentares, deixaram a AL os suplentes da sigla Marcel van Hattem e Gerson Borba.
 
Da mesma forma, o deputado Fábio Branco (MDB) retornou à Casa em 6 de abril depois de ter comandado a Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia. Com isso, deixou a AL o suplente Ibsen Pinheiro (MDB).
 
Mudanças partidárias
A composição das bancadas na Casa também foi alterada com a troca de partido político por parte de cinco deputados. Em março, Bombeiro Bianchini trocou o Partido Pátria Livre (PPL) pelo Partido da República (PR).
 
Em abril, João Reinelli deixou o Partido Verde (PV) e foi para o Partido Social Democrático (PSD), enquanto Regina Becker Fortunati se desfiliou da Rede Sustentabilidade (REDE) e se filiou ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). No mesmo mês, Edu Olivera saiu do PSD e foi para o Partido Democrático Trabalhista (PDT).
 
Já em dezembro, Catarina Paladini informou sua desfiliação do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e sua filiação ao PR.
 
2019
Em janeiro de 2019, também houve mudanças na composição da AL por conta de deputados que assumiram como secretários do governo de Eduardo Leite. Juvir Costella (MDB), que foi para a Secretaria dos Transportes, deixou a Casa em 1º de janeiro e, em seu lugar, assumiu a suplente Maria Helena Sartori (MDB).
 
Outros dois parlamentares da 54ª Legislatura solicitaram o afastamento do mandato para assumir cargo de secretário em janeiro, mas retornaram à Casa para concluir seu mandato. Catarina Paladini (PR), que assumiu a Secretaria de Estado de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, deixou a Casa em 1º de janeiro, mas retornou dois dias depois. No período, quem assumiu foi o suplente Paulo Odone (PPS). Já Regina Becker Fortunati (PTB) comunicou seu afastamento para assumir a Secretaria de Estado do Trabalho e Assistência Social, mas solicitou que a comunicação de afastamento fosse tornada sem efeito.
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Sessão Plenária

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30