VALORES QUE FICAM
Delegado da Receita diz que destinação de recursos às entidades é “ato de cidadania”
Francis Maia - MTE 5130 | Agência de Notícias - 15:40 - 09/08/2019 - Edição: Sheyla Scardoelli - MTE 6727 - Foto: Michael Paz
Delegado da Receita Federal Arlei Carlos Schons
Delegado da Receita Federal Arlei Carlos Schons
Primeiro palestrante da audiência pública "Valores Que Ficam" nesta tarde em Santa Rosa, o delegado da Receita Federal em Santo Ângelo, Arlei Carlos Schons, fez um alerta à comunidade de que o hábito da destinação de recursos do imposto de renda é “um ato de cidadania”. Depois de orientar sobre os procedimentos práticos para a destinação, ainda em 2019, de 6% do imposto devido na declaração completa, Schons convidou todos a refletirem como cidadãos e destinarem os recursos às entidades. O forte apelo do fiscal veio dos números tímidos de Santa Rosa, onde do potencial de R$ 2,9 milhões, apenas R$ 228 mil tiveram destinação conforme prega a campanha Valores que Ficam.
 
Carlos Schons  foi enfático ao afirmar que “trata-se de um aprendizado, falamos de cidadania, não é doação”, observando que a campanha está convidando os contribuintes a adotarem essa postura de cidadãos. Outra ponderação do delegado foi no sentido de evidenciar a importância da permanência desses recursos no município ou na região, destinados para o Funcriança ou outras entidades sociais, devidamente cadastradas no sistema. Explicou que até o final do ano ainda é possível dar esse encaminhamento dos recursos em até 6% do que é devido.
 
Insistiu que o procedimento é fácil e não há justificativa para não adotá-lo, mostrando que Santa Rosa, em 2018, referente ao calendário 2017, reteve apenas R$ 228 mil, “menos de 10% do que poderia ser destinado” dos R$ 2,9 milhões previstos. Schons mostrou, também, que alguns dos municípios que receberam as audiências públicas registraram avanços na destinação de recursos, como Porto Alegre, Pelotas e Santa Maria, “precisamos pôr a mão na consciência e cobrarmos dos políticos, mas também fazer a nossa parte”, finalizou.
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Audiência Pública - Santa Rosa

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30