MANDATO
Escola Amiga dos Animais agora é lei e permitirá adoção de mascotes por escolas
Juliane Pimentel - MTE 16.656 | MDB - 16:45 - 02/10/2019 - Foto: Juliane Pimentel
Escolas gaúchas poderão aderir a programa que incentiva respeito e zelo com o bem-estar animal
Escolas gaúchas poderão aderir a programa que incentiva respeito e zelo com o bem-estar animal

Inspirado na atitude de uma professora que, em 2006, pediu à direção da escola autorização para adotar um cão e ensinar os alunos sobre o respeito aos animais, o deputado Gabriel Souza (MDB) transformou a iniciativa da educadora em lei estadual. Sancionada pelo governador Eduardo Leite nesta quarta-feira, 2 de outubro, no Palácio Piratini, a lei 15.337/2019 institui no Rio Grande do Sul o programa Escola Amiga dos Animais. A partir de agora, a comunidade escolar que tiver interesse poderá adotar o seu “mascote”, incentivando a adoção consciente e a guarda responsável.

“Aquelas escolas que entenderem ser importante ensinar crianças e adolescentes que para ter animais é preciso zelar pelo seu bem-estar, melhorando a compreensão ambiental e civilizatória dessas futuras gerações, poderão aderir ao programa”, destaca o autor da lei. Gabriel ressalta que a lei é autorizativa, ou seja, ele possibilita a adoção dos animais, mas não é uma obrigatoriedade. As escolas das redes estadual e municipal poderão aderir, bem como as instituições particulares que tiverem interesse. “Parabéns aos protetores dos animais. Este é mais um passo dado para que a sociedade tenha consciência da importância de zelar pelo bem-estar animal no nosso estado”, reconhece Souza.

“A gente não obriga as pessoas a amarem os animais, mas o respeito sempre foi o objetivo essencial desse projeto e era isso que eu queria trabalhar com os alunos. Adotamos o Guri, um cão SRD [sem raça definida], que está conosco até hoje”, conta a professora Andreia Galvarros Pizarro, da Escola Estadual de Ensino Médio Infante Dom Henrique, idealizadora da proposta. Mais de uma década depois, a educadora se emociona ao ver sua ideia transformada em lei. “Essa conquista é por todos que lutam a favor desses bichinhos e também pelas pessoas que doam seu tempo e sua vida a eles”, comemora Andreia.

A vereadora de Porto Alegre Lourdes Sprenger, que apresentou a professora ao deputado e intermediou a construção do projeto, complementa que o programa contribuirá também para que os estudantes aprendam a cuidar dos bichanos. “Teremos mais locais para alojar os animais e também um número maior de pessoas empenhadas na adoção”, assinala Lourdes. A parlamentar agradece também o entendimento da Assembleia sobre a importância do Escola Amiga dos Animais.

Regulamentação

O próximo passo agora é a regulamentação da lei, que será feita através de decreto do governador e da secretaria estadual de saúde. “Esperamos que [a regulamentação] ocorra o mais breve possível para que já no início do próximo ano letivo as escolas que quiserem aderir o programa assim o façam”, conclui Gabriel Souza.

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Deputados

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia
Rádio Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30