MANDATO
Lei de Viana inclui o pêssego na merenda escolar da rede estadual
Aline Mendes - MTE/SC 0921 | PSDB - 16:26 - 31/10/2019 - Foto: Divulgação
Ao lado de uma comitiva de Pelotas, o governador Eduardo Leite sancionou nesta quinta-feira (31) a lei que inclui o pêssego e seus derivados no cardápio da merenda escolar da rede pública estadual de ensino. A proposta é de autoria do deputado pelotense Luiz Henrique Viana (PSDB). “Além de melhorar a qualidade da alimentação dos alunos com uma fruta tradicional no Estado, a lei vai fomentar a produção de agricultores familiares e o desenvolvimento da indústria”, destacou o parlamentar.
 
Presente na solenidade, realizada no Palácio Piratini, o presidente da Cooperativa de Apicultores e Fruticultores da Zona Sul, Valdemar Vahl, comemorou: “Esta lei representa a sobrevivência do pequeno agricultor no campo”. Dos 680 cooperativados, 300 são produtores de pêssego.
 
Dados da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) apontam que a produção anual de pêssego na região de Pelotas é de cerca de 60 mil toneladas - 50 mil usadas pela indústria. O Rio Grande do Sul lidera a produção da fruta no país, com uma área de 13 mil hectares de pomares. Os gaúchos têm a maior representação do mercado nacional, com 40% do total. O Estado conta ainda com a maior concentração de área plantada, distribuída em duas regiões: Zona Sul (pêssego para indústria) e Serra (para consumo fresco). Mas o principal polo está localizado no Sul gaúcho, numa área que compreende 13 municípios, com destaque para Pelotas, Canguçu, Piratini e Morro Redondo.
 
Para Mauro Scheunemann, presidente da Associação dos Produtores de Pêssego da Região de Pelotas, que representa cerca de 1,2 mil agricultores, a lei vai possibilitar uma maior divulgação da cultura do pêssego. “Vamos atrair novos consumidores, principalmente crianças”, projetou.
 
O Sindicato da Indústria de Doces e Conservas Alimentícias de Pelotas (Sindocopel) estima um aumento de 7% em produção e geração de empregos, além do consequente incremento financeiro.
 
Com baixo teor calórico, o pêssego é rico em fibras e contém minerais, carboidratos, proteínas e vitaminas. Aliado a uma alimentação balanceada, pode ainda contribuir para uma saúde equilibrada.
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Deputados

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia
Rádio Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30