COMISSÃO ESPECIAL
Comitiva formada de membros da CECIA tem audiência com Ministro da Saúde nesta quinta
Luciano Medina Martins - MTE 12262 | DEM - 12:12 - 12/02/2020 - Foto: Celso Bender
Instalação da CECIA contou com ampla representatividade da comunidade liga ao câncer infantil.
Instalação da CECIA contou com ampla representatividade da comunidade liga ao câncer infantil.

Nesta quinta-feira (13), às 14h, como parte das atividades da Comissão do Câncer Infantil e Adolescente no RS (CECIA), deputados da Assembleia Legislativa terão audiência com o Ministro da Saúde, Dr. Luiz Henrique Mandetta. A comitiva de parlamentares tem como objetivo apresentar a minuta do relatório das atividades da CECIA, bem como conversar sobre os encaminhamentos a constarem neste relatório.

Ao longo das atividades da CECIA as visitas técnicas aos hospitais e instituições relacionadas a oncologia pediátrica foram acompanhadas e observados pelo presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica, Prof. Dr. Cláudio Galvão. Também se fizeram presentes os representantes do Instituto do Câncer Infantil. O plano de trabalho da CECIA contempla a visita a todos os sete centros de referência em oncologia pediátrica no RS: Hospital de Clínicas de Porto Alegre/UFRGS, Hospital Geral de Caxias do Sul, Hospital São Lucas/PUCRS, Hospital Universitário de Santa Maria/UFSM, Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo/RS e Hospital Santo Antônio da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. Também objeto das visitas técnicas foram o Hospital de Amor em Barretos/SP, o Hospital Santa Marcelina na capital paulista e o IMIP em Recife/PE. As instituições ligadas ao câncer, que atuam no 3º setor e dão apoio aos pacientes em oncologia pediátrica, compuseram parte do escopo da CECIA, entre elas a Domus de Caxias do Sul/RS, o Tucca (Tumor Cerebral na Criança e Adolescente) e seu Hospice dedicado a paliatividade de pacientes terminais em Itaquera na capital de São Paulo e a sede do Instituto Ronald McDonald no Rio de Janeiro/RJ.

A comitiva a participar da audiência com o Ministro da Saúde será composta pelo presidente da CECIA, o deputado Dr. Thiago Duarte (DEM), a relatora deputada Franciane Bayer (PSB) e o membro titular deputado Fábio Branco (MDB). O coordenador da CECIA acompanha a reunião juntamente com a chefia de gabinete da relatora.

Objetivos da Comissão Especial do Câncer Infantil e Adolescente no RS
“Estamos trabalhando para entender cenário do câncer infantil, os gargalos e por que crianças e adolescentes por vezes não tem o acesso a centros de referência” explica o presidente, deputado Dr. Thiago. São 7 os centros de referência em oncologia pediátrica no RS. Quatro em Porto Alegre: Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Hospital Conceição, Hospital Santo Antônio da Santa Casa de Misericórdia e Hospital São Lucas (PUCRS). Três centros de referência em câncer infantil são no interior do RS: Hospital Universitário de Santa Maria, Hospital Geral de Caxias do Sul e Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo.

“Temos por ano, em dados oficiais, mais de 600 casos novos de câncer infantil, pelas tendências estatísticas que temos apreendido este número pode chegar a 1200 novos pacientes por ano. Muitas destas crianças não chegam aos leitos disponíveis em centros de referência o que diminui a sobrevida e aumenta a morbidade” informa Dr. Thiago. Segundo o Instituto do Câncer Infantil as crianças tratadas nos centros de referência têm um resultado positivo no tratamento mais alto, chegando a 70% a sobrevida destes pacientes, para as crianças tratadas fora dos centros de referência a sobrevida cai para 30%. “Precisamos mudar o fluxo dos pacientes, levarmos mais informação ao atendimento básico sobre os primeiros sintomas” concluí o parlamentar.

"O que temos visto nas visitas aos centros de referência é que os 7 centros no RS realmente atendem a maioria, mas existe um grande grupo, principalmente entre adolescentes, que acabam ficando represados nestes centros de tratamento de adultos. Que não são apropriados para atender adolescentes, pois o câncer do infantil é completamente diferente do câncer adulto" afirmou o presidente da comissão sobre as visitas anteriores.

A comissão pretende a partir da finalização do relatório final fazer encaminhamentos que atendam pacientes e instituições voltadas para a Oncologia Pediátrica. "Não precisamos de bilhões de reais, mas precisamos de vontade política e organização. Muitas crianças com câncer seguem morrendo à toa ou para satisfazer interesses locais. Precisamos mostrar essa realidade e modificá-la" afirma o presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica.

Audiência Pública vai dar visibilidade as atividades da CECIA
Dia 19 de fevereiro no Espaço de Convergência Adão Pretto (térreo do Palácio Farroupilha – Praça Marechal Deodoro, 101 Porto Alegre/RS - Centro Histórico) a partir das 18h30 acontece a audiência pública da Comissão Especial do Câncer Infantil no RS que pretende prestar contas das atividades da CECIA e debater sobre os possíveis encaminhamentos a constarem no relatório final.

Para mais informações sobre a CECIA temos um hotsite dentro do portal da Assembleia Legislativa com informações completas sobre os 22 membros da CECIA e as atividades da comissão. http://www.al.rs.gov.br/legislativo/Comissoes.aspx?IdComissao=443

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
Comissão Especial do Câncer Infantil e Adolescência

PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia
Rádio Assembleia
COMISSÃO DE SEGURANÇA E SERVIÇOS PÚBLICOS
COMISSÃO DE FINANÇAS
COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E COOPERATIVISMO
» Veja mais

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30