ARTIGO
O fim do ziguezague gaúcho
Gabriel Souza* | MDB - 09:17 - 17/06/2021
O anúncio do governador Eduardo Leite sobre o investimento de R$ 1,3 bilhão em obras não se restringe à importante notícia de um vultoso aporte do Estado em recuperação de estradas. Trata-se, também, da constatação da importância de seguirmos por um mesmo caminho durante governos consecutivos. O Rio Grande do Sul passou as últimas décadas em um ziguezague político. A cada quatro anos, as urnas elegiamum projeto diferente, de forma a alterar o rumo e romper com as políticas propostas no último período. Estávamos indo para um lado quando, nas eleições, decidia-se ir para o outro. 

Ao derrotar no primeiro turno os projetos antagônicos e decidir continuar o programa iniciado pelo governo Sartori, o povo gaúcho apostou nos resultados que estamos colhendo. Enfrentando as questões estruturais que emperravam o desenvolvimento do Estado, Sartori sempre dizia que “recuperar o Rio Grande não é obra para um homem só, nem para um governo só”. O gringo estava certo. Da mesma forma, Leite tem repetido que seu governo não é de ruptura, mas de “evolução”, pretendendose avançar com o programa estabelecido no governo anterior. 

Baseado em três pilares – equilíbrio fiscal, modernização da máquina pública e rediscussão do tamanho do Estado – tal programa busca recuperar as condições financeiras do RS para o oferecimento dos serviços públicos essenciais ao cidadão, oportunizando que empresários, trabalhadores e profissionais liberais tenham as condições de produtividade que geram emprego e renda. 

Os governos têm virtudes e defeitos e a disputa, às vezes, ocorre dentro do mesmo campo — isso é da natureza da democracia. Mas o mais importante é que, acima disso, o Estado mantenha seu rumo e sua agenda de mudanças. A avenida reaberta por Sartori e mantida por Leite deve ser preenchida pelos mesmos compromissos que sempre moveram quem quer um Rio Grande economicamente desenvolvido, estruturalmente moderno e socialmente inclusivo.

*Deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa do RS

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30