Artigo
Setembro de muitas cores
Franciane Bayer* | PSB - 10:49 - 24/09/2021
Setembro é um mês de muitas cores. Nos vestimos de verde e amarelo para comemorar a Independência do Brasil. É também o mês que vestimos as cores do nosso Rio Grande  - verde, vermelho e amarelo - para celebrar a Semana Farroupilha e o Dia do Gaúcho.  Mas o verde e o amarelo também têm outro significado. São as cores escolhidas para duas importantes campanhas em defesa da vida.

O Setembro Verde é uma campanha para conscientizar a sociedade sobre a importância da doação de órgãos e tecidos. A negativa familiar é um dos principais motivos para que um órgão não seja doado no Brasil. Em 2018, 43% das famílias, segundo a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos, recusaram a doação de órgãos de seus parentes. Por isso, precisamos tratar deste tema importante, principalmente para aqueles que dependem de um transplante para viver ou seguir em frente com mais qualidade de vida. O diálogo com os familiares é fundamental, pois são eles que autorizam a doação. O sim salva vidas e eu acredito  que podemos contribuir para dar uma nova chance às pessoas que aguardam na fila de transplantes, trabalhando para despertar a solidariedade e a empatia na sociedade.

O Setembro Amarelo alerta para um problema que preocupa ainda mais em tempos de pandemia, que é o suicídio. Relatório recente da OMS diz que uma pessoa comete suicídio a cada quarenta segundos no mundo, sendo um sério problema de saúde pública. Com os impactos gerados pela Covid-19 na saúde mental, a valorização da vida, o apoio emocional, o cuidado com o próximo se fazem ainda mais necessários. Neste mês, foi sancionada a Lei 15.701, de minha autoria, que institui oficialmente no Estado a campanha de valorização da vida Setembro Amarelo e o Dia Estadual de Prevenção ao Suicídio. Não há receita certa para detectar quando uma pessoa está pensando em tirar a própria vida. Mas o indivíduo em sofrimento deixa sinais. Precisamos estar mais próximos, dispostos a escutar para identificar os sinais, falar e agir.

O Setembro Verde e Amarelo encerra, mas a nossa luta pela vida é permanente. Te convido a abraçar esta causa, vestindo as cores da vida em todos os dias do ano!

* Deputada estadual e Procuradora Especial da Mulher da ALRS 
© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão
PESQUISA DE NOTÍCIAS
Termo
Período
   


TV Assembleia

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30