SIGATOKA NEGRA
Estilac diz que governo do RS agiu certo ao instalar barreiras sanitárias contra bananas paulistas
José Manosso - 17:35 - 12/07/2004

O deputado Estilac Xavier, líder do Governo Lula, disse hoje (12) que o Governo do Estado agiu corretamente ao decretar a instalação de barreiras sanitárias na divisa do RS com Santa Catarina, para prevenir o ingresso de cargas de bananas oriundas de São Paulo, medida que havia defendido, na semana passada, em correspondência enviada ao Secretário de Agricultura e ao Governador Germano Rigotto.

"A medida, como ressaltamos na proposta que enviamos ao secretário Odacir Klein era urgente e representa um alívio para os produtores de bananas do Litoral Norte, para que suas lavouras não sejam atacadas pela sigatoka negra, um fungo proveniente da Ásia que atacou a Região Norte na década de 80 e que, recentemente, atacou bananais do interior de São Paulo", disse Estilac.

A sigatoka negra é uma doença altamente contagiosa que atinge folhas e cachos de bananeiras, podendo ocasionar a morte da planta e cuja entrada no RS poderia ocasionar um desastre agrícola em nossa região produtora de Três Cachoeiras, Morrinhos do Sul, Três Forquilhas, Terra de Arreia, Mampituba, Maquiné e outros municípios perto de Torres. O Governo do RS instalou barreiras sanitárias em Torres, Vacaria e Barracão, junto à divisa com SC. São Paulo é o maior produtor de bananas do País com mais de 120 mil hectares plantados. No Rio Grande do Sul, quatro mil agricultores tiram sua subsistência em 10 mil hectares plantados.

A solicitação de adoção de barreias sanitárias, feita pelo deputado Estilac na semana passada se deu para a proteger os produtores de bananas do Litoral Norte, cujos bananais foram grandemente atingidos pelo furacão Catarina. O parlamentar tomou conhecimento da extensão do drama dos produtores de banana ao visitar Torres e municípios vizinhos logo após a passagem do furacão e ao se tornar coordenação de Comissão de Representação Externa da Assembléia para avaliar a abrangência dos danos causados no setor agrícola da região.

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30