alrsLegExibeMateria
Instituições de ensino definem cursos para a indústria naval e pólo petroquímico
Charles Vilela - 17:19 - 13/12/2005

A deputada Miriam Marroni, coordenadora da Comissão de Representação Externa para acompanhar a Implantação do Pólo Naval da Região Sul, confirmou hoje (13) que amanhã será apresentado no Rio de Janeiro, durante reunião do Programa Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp), o modelo de formação do curso, minuta de contrato para as instituições de ensino e apresentação do pré-programa de cursos de qualificação. "Estamos mobilizados para que as instituições de ensino da Zona Sul possam oferecer os cursos de formação", disse.

No Sul da Metade Sul, segundo Miriam Marroni, o trabalho está sendo realizado pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Pelotas (Cefet), com a participação das universidades Federal de Pelotas (UFPel), Católica de Pelotas (UCPel), Fundação Universidade de Rio Grande (Furg), Faculdades Atlântico Sul e Centro Técnico Industrial de Rio Grande (CTI). Segundo a coordenadora, participará ainda da reunião representantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), que poderá a vir desenvolver ações de formação junto a ampliação da Refap.

De acordo com Miriam Marroni, a maximização da participação da indústria nacional de bens e serviços na base competitiva no setor de energia, petroquímica, petróleo, produção de matérias-primas, fertilizantes, transporte marítimo, indústria naval e biodiesel está propiciando o surgimento de um novo mercado nacional. "A definição do presidente Lula deixa claro: tudo o que pode ser feito no Brasil, será feito no Brasil", destacou.

A deputada disse que a decisão do Governo Lula em investir em novos setores, como as plataformas de exploração em águas profundas, Off Shore e porto seco, desencadeiam um novo cenário nacional, tão importante quanto ao investimento na construção de navios. "No Rio Grande do Sul os grandes programas estruturantes são federais, como a ampliação da Refap, os investimentos da CGTEE em Candiota e a prospecção na Bacia de Pelotas", avaliou. "O governo Lula mostra um novo formato de promover o desenvolvimento com políticas públicas atentas ao fortalecimento da capacidade industrial e tecnológica e conteúdo local".

Em novembro, Miriam Marroni liderou a comitiva gaúcha no 3o Workshop Nacional do Programa Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp), que aconteceu em Salvador (BA). De acordo com a parlamentar, um dos objetivos do encontro foi a discussão com setores empresarias, entidades e instituições de pesquisa e ensino, a maximização da participação da indústria nacional de bens e serviços na base competitiva no setor de energia, petroquímica, petróleo, produção de matérias-primas, fertilizantes, transporte marítimo, indústria naval e biodiesel.

 

 

© Agência de Notícias
Reprodução autorizada mediante citação da Agência de Notícias ALRS.
© Agência de Notícias
As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.
Versão de Impressão

Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul - Praça Marechal Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS - Cep 90010-300 - PABX (51) 3210.2000
Horário de atendimento: das 08:30 às 18:30